IsisCutter é uma ferramenta técnica que auxilia bibliotecários e arquivistas a definir rapidamente a chamada notação de autor. Você se lembra das etiquetas presentes nas lombadas de livros em bibliotecas? A primeira linha refere-se à classificação de acordo com a área de conhecimento. A segunda linha menciona a notação de autor, isto é, uma sequência alfanumérica que tem a intenção de individualizar o sobrenome do autor. A terceira e quarta linhas geralmente buscam consolidar essa individualização mencionando informações de edição, ano de publicação, número de exemplar e/ou código da biblioteca.

A notação de autor é constituída de uma letra maiúscula (representando o primeiro caractere do sobrenome do autor, p.e., “Tolkien”), seguido de uma sequência numérica (que representa “Tolkien” de acordo com uma tabela adotada), e por fim uma letra minúscula (que representa o título do material, p.e., “O Silmarillion”, ignorando-se os artigos definidos singulares e plurais, masculinos e femininos).

Ocorre que a definição da notação de autor se dá pela consulta em tabelas apropriadas, como Pha ou Cutter-Sanborn, por exemplo.

O IsisCutter fornece a notação de autor automaticamente. Possui esse nome porque opera via web como uma api e também em conjunto com o banco de dados CDS-ISIS, utilizando como método numérico o padrão Cutter-Sanborn.

Nosso banco de autoridades também utiliza o IsisCutter de forma integrada. Ao consultar autoridades através de nossa api, você terá a notação de autor automaticamente. Entre em contato para saber como essa ferramenta pode ser integrada ao seu sistema de biblioteca ou arquivo.

Veja como o IsisCutter funciona clicando aqui.